Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Receitas de cá e de lá

"Bem comido, a minha alma de nada quer saber. E nem os maiores desgostos a conseguem comover." Jean Molière

Receitas de cá e de lá

"Bem comido, a minha alma de nada quer saber. E nem os maiores desgostos a conseguem comover." Jean Molière

30
Mai13

Dia 3 - Dieta 31 Dias

o que procuro

A caminhada continua, deixo-vos o percurso do nosso 3º dia, tudo tendo por base este livro.

 

Pequeno almoço

1 pão com queijo fresco e 1 copo de leite com café.

 

Meio da manhã

1 triângulo de queijo e 1 fatia de presunto

 

Almoço

Salsichas de perú com couve lombarda

 

Meio da tarde

1 gelatina e 1 iogurte magro

 

Jantar

Peito de frango balsâmico

 

 

Ingredientes:

  • 1 peito de frango grande
  • vinagre balsâmico
  • 60 gr de cogumelos laminados
  • sal e pimenta

Preparação

Tempere o peito d efrango com sal e pimenta, adicione o vinagre balsâmico de forma generosa.

Numa frigideira aqueça o azeite e, quando estiver quente, junte os cogumelos. Vá mexendo e, depois de alguns minutos, junto o peito de frango, deixe cozinhar.

Acompanhe com uma salada de tomate e oregãos.

 

29
Mai13

Dia 2

o que procuro

Hoje tivemos de fazer alguma adaptações, dado que não encontro cá salsichas de perú em lata, que deveriam constituir o lanche a meio da manhã.

 

Pequeno-almoço

1 pão com queijo fresco

1 copo de leite com café

 

Meio manhã

1 gelatina e 1 triângulo de queijo

 

Almoço

Wrap de alface



Ingredientes

  • 200 gr de carne picada de vaca
  • 1 colher de sopa de molho de soja
  • gengibre fresco ralado (do tamanho de um dente de alho)
  • 1 dente de alho picado
  • ervas aromáticas (alecrim, oregãos)
  • um fio de azeite
  • 1 cebola às rodelas finas
  • 1/2 pimento vermelho, sem sementes cortado em cubos
  • 2 folhas de alface grandes, lavadas e bem secas
  • salsa picada
Preparação:
Ponha a carne numa tigela com o molho de soja, o gengibre, o alho e as ervas aromáticas, misture bem e reserve tapado.
Leve uma frigideira ao lume, coloque um fio de azeite, quando estiver quente, junte as cebolas e o pimento. Misture durante cerca de 1 minuto.
Junte a carne e mexa até estar pronta, tempere com sal e pimenta e polvilhe com salsa.
Ponha um bocadinho em cada folha de alface, embrulhe e sirva.

 

Meio da tarde
1 iogurte magro e 1 cenoura crua enrolada numa fatia de fiambre

 

Jantar
Atum com maionese e queijo, acompanhado de brócolos cozidos

 

30
Jan13

Carne assada (Sunday Roast)

o que procuro

 

Este é um prato tradicional inglês, o assado de domingo ou sunday roast, varia no tipo de carne utilizada e nos acompanhamentos, este Domingo foi o nosso almoço.

Se quiserem ver um vídeo exemplificativo em relação à confecção da carne, deixo-vos este.

Não se assustem com a lista dos ingredientes, acaba por se fazer tudo ao mesmo tempo e não é tão complicado quanto possa parecer à primeira vista!

 

Ingredientes:

 

Para a carne:

  • 1 kg de carne de vaca para assar;
  • 3 colheres de sopa de mostarda em grão;
  • 1/2 de um ramo de alecrim;
  • duas colheres de azeite;
  • sal e pimenta.

Para o molho:

  • os flúidos da carne que ficarão no tabuleiro;
  • 1 colher de sopa de farinha;
  • 5 ml de vinho tinto;
  • 1 caldo de carne ou bife;
  • 100 ml de água quente.

Para as batatas:

  • 1 kg de batatas novas;
  • 1 colher de sopa de colorau;
  • 1/2 de uma ramo de alecrim;
  • azeite;
  • sal e pimenta.

Para as couves de bruxelas:

  • 500 gr de couves de bruxelas;
  • 75 gr de bacon em pedaços;
  • 50 gr de avelãs picadas grosseiramente;
  • sal e pimenta.

Para as cenouras:

  • 500 gr de cenouras baby ou 5 cenouras grandes;
  • uma colher de sopa de mel;
  • 1 ramos de alecrim;
  • azeite.

 

Preparação:

 

Comece por retirar a carne do frigorífico, limpe-a de qualquer gordura, deixe-a repousar à temperatura ambiente durante cerca de duas horas.

Seguidamente ligue o forno a 245ºC.

Num a tigela misture a mostarda em grão, o azeite, as folhas de alecrim picadas, sal e pimenta e misture bem.

Barre toda a carne com este preparado, coloque-a na rede de um tabuleiro refractário e leve ao forno, durante cerca de 45 mn, vigie para não ficar demasiado assada.

 

Num pirex coloque as batatas, salpique com o colorau, as folhas de alecrim picadas, sal e pimenta e regue com um fio de azeite, mexa bem para que todas as batatas fiquem envolvidas no tempero, leve ao forno, ao mesmo tempo que a carne.

 

Leve dois tachos ao lume com água a ferver, temperada com sal.

Num deles coloque as couves de bruxelas, depois de levantar fervura deixe cozer durante cerca de 5 mn.

Escorra e reserve.

No outro tacho coloque as cenouras, se forem grande descasque-as e corte-as em quatro longitudinalmente e depois em três no comprimento.

Deixe a água levantar fervura e cozer as cenouras durante 5 a 10 minutos, até estarem tenras. Depois de cozida escorra a água e reserve.

 

Entretanto leve uma frigideira anti-aderente ao lume, depois de quente, coloque os pedaços de bacon, deixe frigir, adicione as couves de bruxelas, mexa com cuidado, deixe fritar durante cerca de 5 minutos e no último momento adicione as avelãs, rectifique os temperos e reserve num local quente.

 

Na mesma frigideira, coloque um pouco de azeite, quanto estiver quente adicione as cenouras, deixe alourar um pouco, junte a colher de mel, o alecrim picado e rectifique os temperos, deixe cozinhar em lume brando até se apresentarem glazeadas e com um molho espesso.

 

Retire a carne do forno, deixe descansar durante cerca de 15 minutos.

Coloque os fluídos que se juntaram no fundo do tabuleiro num tacho pequeno, leve ao lume, quando estiver e fervilhar polvilhe com uma colher de farinha, mexa bem para envolver, adicione o vinho e deixe fervilhar até evaporar o álcool. Junte o caldo de carne e a água quente, deixe ferver em lume muito brando, até se apresentar consistente. Rectifique os temperos.

 

Fatie a carne, regue com o molho e sirva com as batatas, as couves de bruxelas e as cenouras.

Acompanhe com um bom vinho tinto!

04
Nov12

Salada de feijão

o que procuro

Vi esta receita num programa de TV (what else is new!? {#emotions_dlg.blink}), é como se fosse uma versão aligeirada do típico breakfast inglês, feijão com blackpudding, comparo esta última à nossa morcela, mas com muito menos tempero.

 

A receita original está aqui, e deixo-vos com a minha versão:

 

Ingredientes:

 

 Para a salada:

  • 300 gr. de feijão branco cozido (utilizei congelado);
  • uma embalagem de bacon em tiras;
  • 1 fatia grossa de pão centeio ou outro semelhante;
  • 2 tomates médios;
  • 2 fatias grossas de morcela;
  • azeite.

Para o molho vinagrete:

  • 2 colheres de chá de vinagre balsâmico;
  • 1 colher de chá de mostarda em grão;
  • 3 colheres de sopa de azeite;
  • sal, pimenta e ervas a gosto.

 

Preparação:

 

Comece por fazer a vinagrete, numa tigela coloque a mostarda, o sal, a pimenta e as ervas a gosto, junte o vinagre e mexa bem até dissolver os condimentos, acrescente o azeite mexendo sempre, até obter um molho com consistência cremosa. Reserve.

 

Coloque o feijão numa taça e aqueça ligeiramente no micro-ondas.

Numa frigideira anti-aderente aqueça uma ou duas colheres de azeite, junte o bacon e deixe fritar até estar dourado, retire com uma escumadeira e junte ao feijão, adicione uma ou duas colheres do molho e envolva. Reserve.

 

Corte a fatia do pão em cubos e frite ligeiramente na mesma frigideira anti-aderente, até estar dourado de ambos os lados.

Retire e coloque em cima de uma folha de papel absorvente.

Por fim, frite também a morcela, de ambos os lados e reserve.

 

Lave os tomates e corte-os às rodelas, cubra o fundo dos pratos com as rodelas de tomate.

Por cima coloque a mistura do feijão e do bacon.

Espalhe os croutons de pão pelo prato, no topo do feijão coloque a fatia da morcela.

Finalize com o restante molho, divida equitativamente pelos pratos e sirva.

 

19
Out12

Costeletas de porco com queijo e cebola caramelizada

o que procuro

Uma verdadeira transformação numas simples costeletas.

 

A receita original vem daqui, o meu modus-operandi:

 

Ingredientes

  • 4 costeletas de porco;
  • 2 colheres de sopa de azeite;
  • 1 colher de sopa de mostarda;
  • 4 colheres de sopa de cebola caramelizada*;
  • 50 gr. de queijo ralado;
  • 1 colher de tomilho.

Preparação:

 

*Aqui existe cebola caramelizada à venda em frascos, contudo também pode ser feita em casa.

Deixo-vos o procedimento, se fizerem, façam a totalidade da receita já que pode ser guardada num recipiente fechado no frigorífico e utilizada como acompanhamento ou mesmo molho nos mais diversos pratos. Experimentem fazer uns hambúrguers com os mesmos passos das costeletas!

Vão precisar de:

  • 3 cebolas grande picadas;
  • 100 ml de vinagre balsâmico;
  • 50 ml de vinho tinto (usei branco);
  • 50 ml de melaço ou mel;

 

Coloque todos os ingredientes numa frigideira anti-aderente, cozinhe em lume baixo durante cerca de 20 a 30 minutos, mexendo ocasionalmente, até obter um molho espesso, semelhante a uma mistura de caramelo que tenha envolvido as cebolas, atribuindo-lhes uma cor escura. Tenha cuidado para não deixar queimar, reduzindo o lume se necessário.

Armazene num frasco de vidro no frigorífico. Irá manter-se durante semanas, se não meses.

 

Se tiverem bimby, basta colocar a cebola em quartos no copo e picar  2 seg/ vel 5. 

Adicionar os restantes ingredientes e programar 35 min/Varoma/vel Sanftrührstufe.

 

Quanto às costeletas:

 

Ligue o forno a 200ºC.

Leve uma frigideira ao lume com o azeite e frite ligeiramente as costeletas, coloque-as num tabuleiro refractário e leve-as ao forno 20 minutos para acabarem de cozinhar.

Retire-as do forno, barre o topo das costeletas com a mostarda, espalhe as cebolas caramelizadas por cima e por fim o queijo ralado.

Leve de novo ao forno para gratinar.

Acompanhámos com puré de batata.

 

01
Out12

Frango frito

o que procuro

Esta é uma daquelas receitas do tempo da minha avó, feita com frango do campo, criados no galinheiro lá da quinta!

Hoje em dia resta-nos o dito "frango do campo" adquirido no talho e as reminiscências destes sabores!

 

A base para a receita fui buscá-la aqui e a minha versão foi esta:

Ingredientes:

  • 500 gr de coxas de frango, com osso e pele;
  • 500 ml de leite;
  • 2 colheres de sopa de vinagre branco ou sumo de limão;
  • 1 cebola;
  • sal e pimenta;
  • 200 gr de farinha;
  • 3 colheres de chá de colorau;
  • 1 colher de café de pimenta moída;
  • 1 colher de café de tomilho;
  • óleo para fritar.

Preparação:

Coloque o leite num recipiente onde caibam as coxas de frango, junte o vinagre ou sumo de limão e deixe repousar durante 10 a 15 minutos.

Decorrido esse tempo o leite deverá ter uma consistência de coalho, junte-lhe a cebola grosseiramente picada, sal e pimenta, adicione as coxas de frango, tape o recipiente com película aderente e deixe marinar durante 3 a 4 horas.

 

Aqueça o forno a 180ºC.

Coloque uma rede em cima de um tabuleiro refractário, algo muito utilizado por cá, e que consiste nisto:

Num saco plástico, deite a farinha, o sal, a pimenta, o colorau, o tomilho e outros temperos da sua preferência. Feche o saco e sacuda para envolver tudo muito bem.

Coloque uma frigideira ao lume com óleo para fritar, entretanto destape o frango, retire uma coxa, limpe-a com papel absorvente, retire algum pedaço de cebola e coloque-a dentro do saco, feche-o e mexa-o de modo a que a farinha revista a coxa de frango. Repita o procedimento com todas as coxas de frango.

 

Ponha 3 ou 4 coxas de frango a fritar de cada vez, apenas durante alguns minutos até ficarem ligeiramente douradas, vire-as para que fritem de ambos os lados. Coloque-as depois na rede do tabuleiro refractário e leve-as ao forno durante 30 a 35 minutos para acabarem de cozinhar.

 

Sirva quente.

Nós acompanhámos com esparguete cozido em molho de tomate.

 

29
Set12

Panquecas recheadas com fiambre, espinafres e molho bechamel

o que procuro

Ao fazer zapping na TV, deparei-me com dois conzinheiros a deliciarem-se com um prato que, em abono da verdade, não percebi o que era, mas marcou-me o ar satisfeito com que o degustavam.

 

Creamed spinach and ham pancakes with bechamel

in River Cottage Recipe


Daí até identificar a receita, juntar os ingredientes, foi um salto!
Assim, aqui fica a minha versão, não se assutem com a lista dos ingredientes, parece confuso mas é um instante enquanto se faz e é mesmo delicioso!

 

 Ingredientes: 

 

Para as panquecas (cerca de 5):

  • 125 gr de farinha sem fermento;
  • 1 pitada de sal;
  • 1 ovo ligeiramente batido;
  • 300 ml de leite;
  • óleo para fritar

Para o bechamel:

  • 600 ml de leite;
  • 60 gr de farinha;
  • 40 gr de manteiga;
  • 1 folha de louro;
  • 1 dente de alho;
  • sal, pimenta e noz moscada.

Para o recheio:

  • 5 fatias de fiambre;
  • 250 gr. de espinafres.

Preparação:

 

Comece por fazer o molho bechamel, leve ao lume um tacho com o leite, a folha de louro e o dente de alho, assim que ferver apague o lume.

Se fizer com bimby, depois deste procedimento, retire o dente de alho e a folha de louro, junte o leite aos outros ingredientes e ligue a máquina 8 mn, 90º, vel. 4

Caso faça manualmente, leve outro tacho ao lume, adicione a manteiga deixe derreter e adicione pouco a pouco a farinha, mexendo sempre, deixe cozinhar durante uns minutos e apague o lume. Retire o dente de alho e a folha de louro do leite, junte um pouco de leite à mistura da manteiga com a farinha e mexa até envolver completamente. Continue a adicionar o leite, mexendo constantemente para evitar grumos. Leve novamente ao lume até ferver e engrossar, mexendo sempre. Tempere com sal, pimenta e noz moscada.

 

Lave os espinafres e deixe-os escorrer, coloque uma panela ao lume e ponha os espinafres lá dentro para cozerem, a água que trazem agarrada basta para cozinhar, pelo que não precisa de adicionar mais, tape o tacho. Deixe os espinafres murcharem, apague o lume e coloque-os num escorredor.

Aperte os espinafres para lhes extrair o máximo de água que conseguir, coloque-os numa tigela, adicione metade do molho bechamel mexa para envolver e rectifique os temperos.

 

Entretanto faça as panquecas, ponha a farinha e o sal numa tigela, faça um buraco no meio, adicione o ovo batido, junte só um pouco de leite e envolva tudo muito bem, continue a juntar o restante leite, mexendo até obter uma consistência cremosa.

Leve uma frigideira antiaderente ao lume, molhe uma folha de papel absorvente num pouco de óleo e passe na frigideira, coloque uma concha de massa no centro da frigideira e espalhe a massa, até formar uma panqueca com cerca de 20 cm de diâmetro.

Deixe cozinhar durante 2 minutos e vire cuidadosamente, deixe cozinhar do outro lado e retire-a para um prato. Repita o procedimento até acabar a massa.

 

Ligue o forno a 200ºC.

 

Num prato coloque uma panqueca, cubra-a com uma fatia de fiambre, espalhe por cima do fiambre um pouco da mistura de espinafres, enrole e feche, ponha a panqueca recheada num tabuleiro refractário previamente untado com manteiga.

Repita a operação até acabar todos os ingredientes. Espalhe o restante molho bechamel por cima das panquecas já no tabuleiro refractário, leve ao forno durante cerca de 10 minutos até ficar dourado.

 

 

 

05
Set12

Tomates recheados com carne picada

o que procuro

 

 

Lembrei-me dos sabores da minha infância, a minha Mãe fazia imensas vezes este prato, quando ainda estávamos em Paris, naquela altura parecia tão laborioso e difícil de fazer, mas hoje, julgo que não haverá nada mais fácil e óptimo para aproveitar os tomates grandes e maduros, que por aí abundam nesta altura do ano.

 

A receita base veio daqui, deixo a minha adaptação:

 

Ingredientes:

 

  • 4 tomates médios, maduros mas firmes;
  • 250 gr de carne picada ( usei de vaca)
  • 1 cebola;
  • 1 dente de alho;
  • 2 colheres de sopa de polpa de tomate;
  • 50 ml de vinho branco ou cerveja;
  • orégãos;
  • azeite;
  • sal e pimenta.

 

Preparação:


Comece por lavar muito bem os tomates, retire-lhes cuidadosamente uma tampa e com ajuda da faca e de uma colher, retire e reserve o interior do tomate.

Coloque as caixas de tomate a escorrer, num escorredor.

 

Entretanto faça um refogado: coloque um tacho ao lume, aqueça o azeite, junte a cebola picada e o alho e deixe frigir um pouco.

Adicione a carne picada, mexa para envolver e de modo a que cozinhe toda por igual.

Quando adquirir um tom acastanhado, adicione o miolo do tomate reservado, a polpa de tomate, o vinho e tempere com os orégãos, sal e pimenta.

Deixe cozinhar durante cerca de 20 minutos, até a carne estar apurada.

 

Findo o tempo, ligue o forno a 180ºC.

Coloque os tomates num tabuleiro refractário, tempere-os com um pouco de sal e pimenta. Preencha o interior com a carne cozinhada e coloque a tampa por cima, leve ao forno durante cerca de 20 minutos.

Sirva com arroz branco e uma salada verde.

03
Set12

Enchiladas

o que procuro

 

A curiosidade matou o gato, já diz o povo e comigo aconteceu o mesmo, vi um kit para fazer enchiladas e achei que tinhamos que experimentar, mas num "quase tudo feito em casa".

Vi muitas receitas, mas nenhuma que achasse ser única e verdadeira, assim, saíram umas enchiladas "à minha moda!", fáceis, saborosas, ideiais para aproveitar restos de carne assada.

 

Ingredientes:

  • 1/2 frango assado desfiado;
  • 1 frasco de molho para enchiladas (encontram nos supermercados);
  • 1 embalagem de tortilhas de trigo (trazia 6);
  • Queijo ralado.

Preparação:

 

Aquecer um pouco de azeite numa frigideira, colocar o frango e deixar frigir para aquecer um pouco, juntar o frasco do molho de tomate, eu acrescentei polpa de tomate porque achei o molho muito espesso e concentrado, além de picante!

Deixar apurar um pouco e apagar o lume. Colocar um pouco de molho no fundo de um tabuleiro refractário e reservar.

 

Abrir a embalagem das tortilhas, colocar uma tortilha num prato, espalhar por cima um pouco do preparado de frango, enrolar sobre si e colocar no tabuleiro.

Proceder da mesma forma com as restantes tortilhas, reservar um pouco de molho. Por fim, colocar um pouco de molho de tomate por cima de todas as tortilhas e polvilhar com queijo ralado.

 

Levar ao forno pré-aquecido a 180ºC, para aquecer e derreter o queijo.

Sirva com uma salada verde.

28
Ago12

Pataniscas de salsichas

o que procuro

 

As tradicionais pataniscas de bacalhau sofreram uma transformação cá em casa!

O bacalhau seco por cá é caríssimo e lembrei-me de adaptar aos sabores de que gostamos e bem mais acessíveis.

A receita original encontrei-a na revista Receitas Económicas Especial, n.º55 e era confeccionada com delícias do mar, eu fiz com salsichas!

 

Ingredientes:

  • 1 cebola;
  • 2 dentes de alho;
  • azeite;
  • 1 lata de salsichas tipo frankfurt;
  • 4 gemas e 4 claras;
  • 200 gr de farinha;
  • salsa;
  • sal e pimenta;
  • óleo para fritar.

Preparação:

 

Pique a cebola e o alho, refogue no azeite.

Corte as salsichas, pique a salsa e junte ao refogado, tempere com sal e pimenta e deixe frigir um pouco.

Retire do lume e deixe arrefecer.

Entretanto bata as gemas, adicione a farinha, tempere com sal e pimenta e misture.

Bata as claras em castelo e junte-as ao preparado, se verificar que não fica cremoso, adicione um pouco de água.

Por fim, junte as salsichas refogadas e envolva bem.

Aqueça o óleo numa frigideira e frite colheradas do preparado no óleo quente.

Acompanhei com arroz de feijão e salada.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Outras receitas portuguesas pelo mundo

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D