Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Receitas de cá e de lá

"Bem comido, a minha alma de nada quer saber. E nem os maiores desgostos a conseguem comover." Jean Molière

Receitas de cá e de lá

"Bem comido, a minha alma de nada quer saber. E nem os maiores desgostos a conseguem comover." Jean Molière

24
Mar12

Um bolo de coco com...mirtilhos!

o que procuro

Por cá existe um reino de bagas: mirtilhos, framboesas, amoras, entre outras que se compram frescas, congeladas, secas e numa infinita variedade de doces, gelatinas e afins.

 

Assim, quando encontrei esta receita tive curiosidade em experimentar e provar esta combinação de sabores, nova para mim.

 

Como é que eu fiz:

 

Ingredientes:

  • 250 gr. de farinha com fermento;
  • 25 gr. de flocos de aveia;
  • 280 gr. de açucar mascavado (usei branco);
  • 200 gr. de manteiga cortada em pedaços;
  • 75 gr. de coco ralado;
  • 2 ovos;
  • 350 gr de mirtilhos frescos ou congelados (usei congelados).
Preparação:

Aqueci o forno a 180ºC. Untei e enfarinhei uma forma quadrada com cerca de 21 cm.

 

Numa taça grande, coloquei a farinha, os flocos de aveia, o açucar e mexi. Misturei os pedaços de manteiga e amassei com a ponta dos dedos, até formar uma massa granulada. Adicionei o coco ralado e amassei para envolver, retirei uma chávena desta mistura e reservei.

 

Misturei os dois ovos aos ingredientes da taça, envolvi bem e deitei na forma, tive de alisar com a ajuda de uma colher. Espalhei os mirtilhos sobre esta massa, de modo a formarem uma camada uniforme, por cima destes, espalhei a massa reservada na caneca, com ajuda das mãos.

 

Levei ao forno durante cerca de uma hora, até fazer o teste do palito e apresentar-se cozido. Retirei do forno, deixei arrefecer e desenformei.

 

 

A tarefa de espalhar a massar reservada na chávena, assemelha-se em muito, ao que se faz no crumble, a massa fica areada e apenas com ajuda das mãos se leva a tarefa avante. 

Notei que o açucar desta massa superior não se tinha derretido, pelo que se notava ao comer, julgo que se deva utilizar açucar em pó, ou então o açucar mascavado, como refere a receita, fique mais homógeneo.

 

Gostei muito da combinação de sabores, é decerto um bolo a repetir cá em casa...

O marido optou por comer uma fatia com molho custard, o que segundo ele, ainda soube melhor!!

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Outras receitas portuguesas pelo mundo

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D